Programação de férias no Porto traz aula performática “Meu nome é Tutunho, muito prazer!”

Na atividade, o professor-performer Wellington Jr., o Tutunho, vai discorrer sobre processos de subjetivação na performance contemporânea em interação com os alunos/interatores/co-performers

Quarta-feira, 10 de julho, das 17h30 às 21h30, na Sala de Música do Porto Iracema das Artes. Essas são as informações que você precisa saber para participar “Da aula. Aula #01: Apresentação: “Meu nome é Tutunho, muito prazer!” , promovida gratuitamente pela Escola em sua programação de férias. Aula e Performance, um misto dos dois, o professor-performer e artista-pesquisador Antonio Wellington de Oliveira Junior, o próprio Tutunho, vai discorrer sobre processos de subjetivação na performance contemporânea. Com carga horária de quatro horas/aula, a atividade está reservada a 20 vagas, a serem preenchidas por ordem de chegada no dia da aula.

Articulada dentro do Programa “EntreVozes – Poéticas do Canto, da Fala e da Performance”, a ação tem como motes centrais a aula, a performance oral e o tema da escrita de si (e, por derivação, da autoperformance, da performance autobiográfica e das escrituras performativas), a voz nessa atividade cumprirá outro papel, que vai além das funções explicativas, informativas, fáticas e mesmo meramente expressiva. A voz se abrirá à função poética, definida pelo professor-performer na ementa da atividade como a voz “criadora, de fato performativa e performática”.

Tutunho vai utilizar sua experiência performática como professor por três décadas para apresentar algumas performances realizadas por ele nos ciclos performáticos “Réquiem para meus pais” (2009), “Três pratos de trigo para três tigres tristes” (2011), “A paideia de Tutunho” e “Da aula”, as duas últimas em andamento desde 2012 e realizadas em parceria com outros artistas.

O professor-performer utilizará a função metaliguística da linguagem para potencializar os lugares histórica e conceitualmente construídos tanto da aula como da performance a partir de projeções, compartilhamento de informação pelas redes e por telefonia móvel, leitura de textos, breves jograis, diálogos, glossolalias, entre outros, em que os participantes atuarão na condição de alunos/interatores/co-performers, sendo constantemente convocados a manipular equipamentos e a utilizar sua voz para performar junto a Tutunho.

Para isso, ele utilizará como recursos didático-pedagógico-performáticos a conversão entre múltiplas linguagens e tecnologias, como voz, escrita, música, vídeo, fotografia, tecnologias digitais e móveis de comunicação e informação, web e redes sociais. O objetivo é evidenciar temas como performance, educação e mediação tecnológica, vídeo e fotoperformance, performance e comunidade, tanto em caráter mais geral quanto em relação à sua prórpia aula e performance.

Sobre Tutunho

Antonio Wellington de Oliveira Junior (Tutunho) é graduado em Comunicação Social pela Universidade Federal do Ceará/UFC (1992), mestre (1997) e doutor (2001) em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo/PUC-SP. Realizou estágio Pós-Doutoral em Artes no Departamento de Comunicação e Artes/DeCA da Universidade de Aveiro/UA. Atualmente é professor Associado III do Instituto de Cultura e Arte/ICA da UFC, professor do Programa de Pós-Graduação em Artes/PPGARTES e do Programa de Pós-Graduação em Comunicação/PPGCOM, ambos da UFC. Pesquisador ligado ao Instituto de Investigação em Design, Media e Cultura/ID+ (Portugal). Líder do Laboratório de Investigação em Corpo, Comunicação e Arte/LICCA, registrado no Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq. Artista visual e performer. Tem experiência nas áreas de Comunicação e de Artes, com ênfase em performance, artes visuais, teorias da comunicação, semiótica, glossolalia e religião, cultura tradicional popular.

Serviço
O quê: “Da aula. Aula #01: Apresentação: “Meu nome é Tutunho, muito prazer!”, com Antonio Wellington de Oliveira Junior (Tutunho)

Quando: Quarta-feira, 10 de julho, das 17h30 às 21h30

Onde: Sala de Música Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, nº 160 – Praia de Iracema)

20 vagas a serem preenchidas por ordem de chegada no dia da aula

Gratuito

Assessoria de Comunicação Porto Iracema das Artes | Lucas Casemiro
Publicado em 05/07/2019