Circuito Merci, Varda! encerra com sessão especial na Praia dos Crush

Última semana de programação também tem exibições no Porto Iracema e CCBJ

Após quase dois meses de intensa atividade, o Circuito MERCI, VARDA! chega ao fim. A 21ª sessão, que encerra a mostra de filmes em homenagem a Agnès Varda, precursora da Nouvelle Vague francesa que viveu por 90 anos até deixar lacuna no mundo do cinema com seu falecimento no último mês de março, acontecerá na próxima sexta-feira, dia 26 de julho, às 20h, na antiga Praia do Lido, agora Praia dos Crush. O longa “As praias de Agnès” (2008, 110 minutos) será exibido com debate pós-sessão comandado pela professora Beatriz Furtado, do Curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Federal do Ceará (UFC).

O filme é uma autobiografia em que a cineasta relembra lugares que marcaram sua vida, seu casamento com o cineasta Jacques Demy e a morte dele, os tempos de fotógrafa, sua luta no movimento feminista e outros momentos. São registros fotográficos, fragmentos de filmes, entrevistas que contam toda essa história, desde criança à participação na Nouvelle Vague.

Para Lis Paim, coordenadora do Centro de Narrativas Audiovisuais do Porto Iracema das Artes e do Laboratório de Cinema, que também coordenou o circuito de exibições, a sessão de encerramento será “o coroamento do mergulho profundo na obra de Varda que promovemos em Fortaleza, no espaço que ela mais amava – a praia –  e que é fundamental em muitos de seus filmes. Ao longo de todo o circuito vivemos momentos de muita evocação da poesia e da criação por meio de suas produções e das diferentes visões das mulheres debatedoras sobre estas. A sessão de encerramento será uma celebração, à luz da lua, de toda a experiência humana e artística vivida no circuito”.

Foram quase 50 dias em que o Porto Iracema das Artes promoveu, na própria Escola e em outros espaços da cidade, sessões com filmes produzidos pela cineasta e seguidos de debates conduzidos por mulheres, incentivando o protagonismo feminino tão comum às temáticas das realizações de Varda e ao seu próprio papel no mundo das artes.

Outras sessões

A penúltima sessão do Circuito no Porto Iracema das Artes acontecerá no dia 23 de julho, às 19h, e exibirá no Auditório da Escola o episódio 2 da série “Agnès daqui e dali Varda” (2011, 45 minutos), com debate realizado por Rúbia Mércia. Neste episódio está registrada a passagem da cineasta por Fortaleza e Rúbia foi uma das pessoas que a acompanhou em seu passeio pela cidade.

A semana também conta com duas sessões programadas para acontecer no Centro Cultural Grande Bom Jardim – CCBJ. No dia 23 de julho, será exibido o filme “Os catadores e eu” (2000, 82 minutos), com debate guiado por Camila Vieira. Já no dia 25 de julho, o filme “Jacquot de Nantes” (1991, 120 minutos) terá debate conduzido por Carolinne Vieira. Ambas as atividades têm início às 19h.

Sobre as debatedoras
Camila Vieira
É jornalista, crítica e curadora de cinema. Doutora em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Escreve atualmente nas revistas eletrônicas Sobrecinema e Multiplot. Faz parte da equipe de curadoria de curtas da Mostra de Cinema de Tiradentes. Integrou a equipe de programação da Semana de Cinema, antiga Semana dos Realizadores, em 2017 e 2018. É integrante da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) e da Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine).

Carolinne Vieira
Formada em Letras pela Universidade Federal do Ceará (UFC/CE) e pós- graduada em Semiótica Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (UECE/CE), Carolinne Vieira atuou como curadora e produtora do Cineclube da Casa Amarela Eusélio Oliveira (2002-2007) até ser convidada a coordenar o Cineclube Vila das Artes, onde também atuou como assistente de Direção da Escola Pública de Audiovisual. Foi diretora de articulação da região Nordeste (CE, MA, PI e RN / 2008-2010) e diretora de Acervo e Difusão (2010-2012) do Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiros – CNC. Fez parte da equipe de formação do Cine Mais Cultura (2008-2010). É produtora e curadora de mostras audiovisuais e realizadora de curtas-metragens de baixo orçamento. Também atua como professora de cineclubismo em instituições culturais de Fortaleza e em pontos de cultura no interior do Ceará.

Rúbia Mércia
É realizadora, pesquisadora, produtora, curadora e educadora audiovisual. Sócia da produtora Caratapa desde 2017, uma produtora formada por quatro mulheres realizadoras que, partindo de suas experiências no audiovisual cearense e do Brasil, investiga e experimenta suas possíveis interações com outras linguagens artísticas. Foi uma das fundadores do coletivo Alumbramento (2006-2010). Mestre em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), na linha de pesquisa Tecnologias da Comunicação e Estéticas. Especialista em Audiovisual e Meios Eletrônicos. Foi formada pela primeira turma do Curso de Realização Audiovisual da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes (2006-2008). Graduada em Comunicação Social (Unifor). Desenvolve constantemente pesquisa em formação artística no cinema. Foi coordenadora regional do projeto Inventar com a Diferença: cinema e direitos humanos (janeiro-agosto de 2014) e da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes (2013-2017). Atualmente, é coordenadora do projeto “Cinema no Brejo: Laboratório rural de formação e experimentação audiovisual”, contemplado no Rumos Itaú(2018).

Beatriz Furtado
Professora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e da Graduação em Cinema e Audiovisual, do Instituto de Cultura e Arte (UFC). Fez pós-doutorado em Cinema e Arte Contemporânea, pela Universidade Paris III – Sorbonne -Nouvelle. Doutorado em Sociologia, pela UFC, com estágio em Filosofia, pela Universidade de Lisboa. Mestre em Comunicação, pela Universidade Autônoma de Barcelona-UAB. Coordena o LEEA – Laboratório de Estudos e Experimentação em Audiovisual. É autora de “Imagens Eletrônicas e Paisagem Urbana”, “Cidade Anônima” e “Imagens que Resistem” e organizou “Imagem Contemporânea- v.1, v.2”; “Fazendo Rizoma”, com Daniel Lins; Pós-Fotografia, Pós-Cinema – Novas configurações das Imagens”, com Philippe Dubois.

Circuito MERCI, VARDA!
Realizado pela Escola Porto Iracema das Artes, o Circuito MERCI, VARDA! vem ocupando diversos espaços da Cidade entre 8 de junho a 26 de julho, em quase 50 dias e 21 sessões. A Mostra é uma homenagem à cineasta belga radicada na França, Agnès Varda, falecida no último mês de março, aos 90 anos. A ação é organizada pelo Cena Cineclube e pelo Cineclube Âncora exibiu, ao todo, 36 obras da cineasta, com debates conduzidos por mulheres do cinema e das artes em geral.

Na programação, foram realizadas sessões semanais em espaços como o Porto Iracema e o Centro de Narrativas Audiovisuais do Porto, a Vila das Artes, o Centro Cultural Grande Bom Jardim, o Cuca Jangurussu, o Cineclube Ser Ver Luz (na comunidade do Titanzinho), o Cinema do Dragão e a Praia dos Crush (antiga Praia do Lido, numa parceria com o Instituto Iracema e o Centro Cultural Belchior).

Entre as mulheres debatedoras estão 24 artistas, professoras e pesquisadoras da obra de Agnès, que conduzirão as conversas em escolas, praias e nas periferias da Cidade. Integram este time Aline Albuquerque, Alessandra Marques, Beatriz Furtado, Bete Jaguaribe, Camila Vieira, Carolinne Vieira, Carolina Vieira, Cláudia Mesquita, Fabíola Gomes, Flávia Memória, Iana Soares, Janaína Marques, Kamilla Medeiros, Luciana Vieira, Lis Paim, Manoela Ziggiatti, Maria Helena Bernardes, Marília Oliveira, Mona Gadelha, Nina Rizzi, Nina Kopko, Rúbia Mércia, Sabrina Araújo e Virgínia Pinho.

Serviço
O quê: Circuito Merci, Varda! exibe filme “Agnès daqui e dali Varda”, com debate por Rúbia Mércia
Quando: Terça-feira, dia 23 de julho, às 19h
Onde: Auditório do Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, nº 160 – Praia de Iracema)
GRATUITO

O quê: Sessão de Encerramento do Circuito Merci, Varda! exibe filme “As praias de Agnès”, com debate por Beatriz Furtado
Quando: Sexta-feira, dia 26 de julho, às 20h
Onde: Na areia da Praia dos Crush – (Em frente ao Centro Cultural Belchior – Praia de Iracema)
GRATUITO

> CCBJ

O quê: Circuito Merci, Varda! exibe filme “Os catadores e eu”, com debate por Camila Vieira
Quando: Terça-feira, dia 23 de julho, às 19h
Onde: Centro Cultural Grande Bom Jardim (Rua 3 corações, 400, Bom Jardim)
GRATUITO

O quê: Circuito Merci, Varda! exibe filme “Jacquot de Nantes”, com debate por Carolinne Vieira
Quando: Quinta-feira, dia 25 de julho, às 19h
Onde: Centro Cultural Grande Bom Jardim (Rua 3 corações, 400, Bom Jardim)
GRATUITO

Assessoria de Comunicação do Porto Iracema das Artes | Lucas Casemiro
Publicado em 22/07/2019